Posicionamento de mercado de uma Central de Monitoramento

Posicionamento de mercado de uma Central de Monitoramento

Qual foi a última vez que você refletiu sobre o que sua empresa faz? Essa resposta dever ser resumida e objetiva, basicamente, representa a forma que seu cliente, seus colaboradores (que o representa) e todo o restante lhe enxerga.

O que me motivou a escrever este texto foi a “nova” modalidade de serviços do nosso mercado, a “Portaria Remota”. Percebemos que muitas empresas passaram a se identificar, se posicionar e verbalizar que trabalham com “Portaria Remota”, mas, a Portaria Remota não seria apenas a consequência de um enorme projeto de segurança, que envolve diversas outras verticais e responsabilidades para a central de monitoramento? Particularmente, entendo que sim. Justamente por isso esta modalidade de serviços se alocou em nosso segmento, a base da portaria remota é aumento de segurança, portanto, é sempre consequência de um projeto. 

Ok, mas, onde queremos chegar? 

No posicionamento. Na comunicação. Na forma que as empresas se apresentam ao mercado. 

Mesmo que a portaria remota represente uma excelente oportunidade de negócio, ser reconhecida como uma empresa que monta projetos de segurança eletrônica fará com que você esteja posicionado de forma diferente daqueles que trabalham presos a conceitos exclusivos de serviços, como “uma empresa de portaria remota”,ou uma empresa de monitoramento de alarmes”, isso te dará a oportunidade de continuar atuando em diferentes frentes comerciais, oferecendo serviços distintos para diferentes clientes, ou mesmo para condomínios que não possuem demanda/estrutura para implantação de tal serviço.

A provocação que trazemos é que você utilize seu know-how para proteger os patrimônios e que, por consequência, pode também prestar serviços de portaria à distância. 

A disponibilidade dos serviços 24 horas é uma máquina de gerar negócios e que junto a sua visão criativa, experiência e conhecimento de tecnologias, possibilitará com que o leque de oportunidades seja muito maior.

Horizontalização do Monitoramento

O termo “Horizontalização do Monitoramento” está cada vez mais presente no dia-a-dia da Moni, entendemos que uma central de monitoramento possui uma infinidade de alternativas comerciais e explorar tais oportunidades é o caminho mais rentável. Isso diversifica o faturamento, fortalece o posicionamento, aumenta o market share e outros benefícios. Mas e na prática? 

Sempre cito um case de um cliente, do interior de São Paulo, completamente adepto de tal conceito. 

Quando os serviços de portaria remota começaram a ser oferecidos de forma massiva ao mercado, este grande parceiro, inovador e rápido como sempre, agregou esses serviços em seu portifólio, iniciou as vendas e rapidamente chegou a 20 edifícios com portaria à distância (numa cidade não tão grande), um número bastante expressivo para o mercado (naquele momento). Porém, os meses se passaram e percebi que o número de condomínios não aumentava e fui entender o que estava acontecendo. A resposta foi curta e objetiva, a empresa continuava investindo em outras verticais do mercado. Os contatos com construtoras (pela prestação de serviços da portaria remota), fez com que ele enxergasse uma enorme oportunidade de monitoramento de canteiro de obras de condomínios, prestando serviços de monitoramento de imagem com vídeo analítico e alarme que, segundo o diretor de tecnologia, trazia uma rentabilidade ainda maior do que a portaria remota. Sei que atualmente o número de condomínios que ele presta os serviços de portaria à distância está maior, mas poderia estar ainda mais. E por que não está? Porque ele diversificou. Algumas indústrias, motivadas pelos cases de sucesso nos canteiros de obras, se motivaram a investir mais em grandes projetos de segurança, outras novas verticais vieram, um ciclo de sucesso.

O conhecimento tecnológico e a criatividade são itens valiosíssimos para vender e a qualidade nos serviços para fidelizar, portanto, utilize seu know-how e a forma profissional que sua operação trabalha para ir sempre além. Esteja próximo das oportunidades que o mercado lhe oferece. 

Além disso, utilize tecnologias que centralizam sua operação, isso será importante para você escalar seu crescimento e te dar possibilidade de integrar tecnologias, aumentando a flexibilidade na montagem dos projetos. Depois, colha os frutos de um mercado que cresce MUITO e que busca por soluções personalizadas.

Por: Por: Rafael Danzi, Diretor de Operações da Moni Software.
Formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e MBA em Marketing e Comunicação. Experiência desde 2008 no mercado de softwares e projetos para segurança eletrônica